Professora Dra Fabrizia Nunes participa do 2º Colóquio Lapig

Na última sexta-feira (06), o Laboratório de Processamento de Imagens e Geoprocessamento (Lapig) vinculado ao Instituto de Estudos Socioambientais (Iesa) da Universidade Federal de Goiás (UFG), realizou seu segundo colóquio. O evento teve como finalidade divulgar as atividades desenvolvidas pelo laboratório e, contou com a participação da docente Dra. Fabrizia Gioppo Nunes, professora adjunta da UFG e ligada tanto ao Iesa, quanto ao Lapig.

Em suas atividades junto ao Lapig, a docente desenvolve produções relacionadas, sobretudo, às áreas de Geoprocessamento e Sistema de Informação Geográfica (SIG) aplicado à Análise Ambiental e de Sensoriamento Remoto. Já nos projetos de pós-graduação em Geografia, atua nas temáticas de análise e modelagem de dados espaciais e geoprocessamento em urbanismo.

Durante o colóquio, a professora doutora compartilhou informações referentes à  sua pesquisa intitulada “Detecção e dinâmica espacial modelos e modelagens das desigualdades socioambiental: a geoinformação como suporte de apoio ao planejamento urbano e gestão territorial dos municípios de Goiânia e Aparecida de  Goiânia – GO”, além das propostas de projetos de pesquisa, “Projeto Sigma” (Sistema de Inteligência Geográfica aplicada ao monitoramento e fiscalização ambiental do Estado de Goiás) e projeto “Mais Parques & Bosques”.

A pesquisa de modelagem espacial tem como objetivo principal empregar a geoinformação como suporte para o planejamento urbano e a gestão territorial, através da detecção das desigualdades socioambientais no contexto dos municípios de Goiânia (GO) e Aparecida de Goiânia (GO).

Por sua vez, o Projeto Sigma que prevê a parceria entre a UFG/Segplan/IMB e Ministério Público de Goiás (MP-GO), visa o fornecimento de estratégias para a posterior elaboração de uma plataforma de inteligência geográfica destinada à orientação dos agentes ambientais, no processo da ação de gestão das tipologias de licenciamento e monitoramento ambiental em Goiás.

Já a proposta Mais Parques & Bosques nasce com o intuito de criar e fornecer um SIG direcionado para a gestão,  fiscalização e categorização dos parques e bosques de Goiânia e, possui como principais entes interessados e fomentadores da iniciativa, o Ministério Público de Goiás (MP-GO), a Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA - Goiânia) e o Fundo Estadual do Meio Ambiente (FEMA).

 

Fotos: Marianie Garcez

Texto: Brenda M. Jesus