Mapa Síntese da Área de Pastagem (MSP) para o território brasileiro

Em sua sexta versão, o Mapa Síntese da Área de Pastagens no Brasil indica uma área aproximada de 164.871.993 milhões de hectares, composto pelos seguintes mapeamentos: 

Bioma Pantanal: Mapeamento da Bacia do Alto Paraguai para 2014;

Bioma Caatinga: Mapeamento realizado pelo Lapig classificou as áreas de Pastagem Cultivada e Degrada (solo exposto) (2014);

Bioma Mata Atlântica:

  • Mapeamento PROBIO Mata Atlântica: MG, RJ, ES, BA, SE, AL, PE, PB e RN (2002); 
  • Mapeamento IBGE: SE (2012);
  • Mapeamento IBGE: AL (2013);
  • Mapeamento Lapig: SP, MS, PR, SC e RS (2014); 

Bioma Pampa: Mapeamento realizado pelo IBGE para o estado do Rio Grande do Sul (2012);

Bioma Amazônia - Mapeamento TerraClass Amazônia (2012);

Bioma Cerrado - Mapeamento TerraClass Cerrado (2013). 

 

Metodologia

O mapeamento para esses estados consistiu na segmentação de 46 cenas Landsat 8 OLI, cuja a área mínima do segmento é de 6,25 hectares. 

Para cada segmento foi calculado o valor médio dos pixels de NDVI, banda SWIR1, NDVI/SWIR1 e banda Blue. Posteriormente foi realizado o fatiamento para seleção/mapeamento das áreas de pastagens e inspeção visual.

Como arquivos auxiliares para classificação e inspeção visual foram utilizados: Canasat (2014), imagens Landsat 8 (períodos chuvoso e seco), Plataforma Google Earth, FBDS (Vegetação natural), uso da terra para o estado de São Paulo (Agrosatélite), SOS Mata Atlântica (Atlas de Remanescentes Florestais), Global Forest Watch (Tree Plantations), Censo Agropecuário de 2006 e Pesquisa Pecuária Municipal - IBGE (2014).

Vale ressaltar que a sexta versão disponibiliza a atualização da área de pastagem para os estados de MS, SP, PR, SC e RS para o limite do bioma Mata Atlântica.

Para acessar, clique aqui.